Tudo sobre o mel de abelha.

A princípio, neste texto vamos falar sobre os produtos das abelhas, como usá-los, como negociar e como os apicultores os produzem.

Você está interessado nisso?

Tudo sobre o mel de abelha

As abelhas são importantes para manter o equilíbrio ambiental, pois são diretamente responsáveis pela polinização de muitas plantas.

Enquanto outros polinizadores, como outros insetos, pequenos mamíferos e até mesmo ventos, contribuem, juntamente com cerca de 20% das mais de 200 espécies de abelhas listadas, contribuem com outros 80% para as plantas com flores.

Sem as abelhas, a maioria das frutas e vegetais que consumimos todos os dias teriam desaparecido. Portanto, esses insetos não apenas dão seus produtos, mas salvam todo o meio ambiente.

Produção de mel

Entre os produtos produzidos pelas abelhas, o mel é, sem dúvida, o produto mais conhecido e consumido em todo o mundo.

É um famoso alimento doce e delicioso que encontramos nas prateleiras dos supermercados em monte, mas pode ser comercializado pelos apicultores diretamente em favos.

O mel é feito por abelhas a partir de néctar coletado de flores, no entanto, seu sabor, cor, aparência e viscosidade dependem do tipo de abelha e da composição das flores visitadas pelas abelhas, além das condições climáticas da região de produção.

Os tipos mais conhecidos são a laranja e o eucalipto.

De acordo com a origem da flor, o mel tem diferentes usos no corpo, variando de enxaquecas, reguladores intestinais, energéticos, bons para a pele, e assim por diante.

Os benefícios do mel para a saúde

O mel contém principalmente carboidratos como frutose e glicose e água, bem como muitas vitaminas, como A, B1, B5, B5, B6, biotina e vitamina C.

Além disso, contém muitos minerais como cobre, cálcio, ferro, fósforo, magnésio, potássio, além de uma boa quantidade de flavonoides.

Esta rica composição permite que o mel seja utilizado para fins terapêuticos, principalmente para proporcionar maior resistência física, mental e intelectual, combater a desnutrição, a anemia, aumentar a imunidade e outros fins.

O mel pode ter-se usado como um substituto para o açúcar em alimentos e bebidas.

No entanto, o mel não deve ter-se consumido demais. Apesar de ser natural e saudável, essa dieta deve ser usada de acordo com as necessidades de cada pessoa.

Joaquim Carvalho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
×
Available for Amazon Prime